Notícias

10/09/2019

Vereador fala sobre o tombamento histórico do Campanário.

      Na sessão desta segunda-feira, 09 de setembro, o Vereador João Paulo Tonin Carpeggiani (MDB) falou sobre o tombamento (bens preservados do município) de um dos cartões postais de Flores da Cunha, o Campanário. Em 30 outubro deste ano, o monumento que tem 55 metros de altura, num total de 11.122 pedras de basalto, estará completando 70 anos de sua construção. Carpeggiani destacou que após o tombamento será elaborado um projeto de restauração do campanário, que por meio de captação de recursos, via Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), visa realizar algumas melhorias na torre, como iluminação, limpeza e reforma na área interna. O intuito da restauração é tornar o campanário um local de visitação como um ponto turístico, onde o visitante possa subir no alto dos seus 55 metros de altura. Com o tombamento patrimonial, o campanário se tornará o terceiro bem histórico municipal, juntamente com o Cemitério Campo Santo dos Imigrantes, no travessão Martins e o Museu e Arquivo Histórico Pedro Rossi.

Galeria de Imagens

Galeria de Arquivos

Texto na íntegra do pronunciamento do Vereador João Paulo Tonin Carpeggiani.